CATEQUESE !!!

Fazei tudo o que Ele vos mandar (Jo 2,5)

CATEQUISTA, SEU ESFORÇO E DEDICAÇÃO É DEVIDAMENTE VALORIZADO PELA SUA COMUNIDADE? INCLUSIVE PELO PÁROCO, COORDENADORES E PELO CPP?

Paz e bem.

Algumas vezes não sentiu a vontade de "largar tudo" pela falta de reconhecimento à sua dedição, empenho e sacrifício em prol do Reino de Deus?

Pois é, meus caríssimos e caríssimas, até onde eu sei e pelo que já assoprarar em meus ouvidos, trata-se de uma situação preocupante, muito desagradável, e diria até que é enervante e irritante.

Somos concientes de que o nosso compromisso é com Jesus Cristo, nosso grande irmão. Mas, também, é indiscutível que o reconhecimento pelo sacrifício e dedicação dos catequistas não pode ser subentendido como OBRIGAÇÃO.

Pelo amor de Deus, ter párocos que nem estão ai com a catequese e suas necessidades, é ir contra os ideais de Deus, exemplificados por Jesus e seus discípulos!!! Ter, na comunidade, membros do CPP que não valorizam a evangelização realizada pelos catequistas, é ter gente que nem sabe o por quê da sua função. O dever de catequizar É DE TODOS. Além do que, para mim, não podemos servir a dois Senhores, ao mesmo tempo (Deus e dinheiro)

O "catequizar" é um COMPROMISSO PESSOAL. É o nosso "SIM" espelhado em Maria, a primeira grande catequista. Ou será que estou errado? Ou será que nasci "fora de época"?

Normalmente, e segundo os demais, somos integrantes de uma Pastoral "sem grandes méritos"; dito de outra maneira, somos parte de uma Pastoral qualquer, sem transcendência. Somos alvo de críticas pelos nosso erros (até parece que não somos humanos, ou que eles são divinos).

Esquecem que o fundamental e essencial para nossa Igreja é a evangelização. E a evangelização da comunidade é feita via catequese, via Evangelho, mostrando que a nossa salvação é ser (ou tentar ao máximo ser) como Jesus.

O nosso trabalho é realizado dia a dia e não a cada fim de semana ou uma vez por mês. Não devemos viver eternamente pensando que a minha Pastoral é melhor do que qualquer outra, e nem ficar tratando que as demais Pastorais são simplesmente as demais.

É necessário reconhecer e dar o seu devido valor ao trabalho e empenho de cada membro de Pastoral de Animação Bíblico-Catequética e colocar tudo em seu devido lugar.

Um conselho: Se todas essas coisas acontece com você, lembre-se: Nós somos galhos da videira; nada pode nos separar d'Ele.

Façamos a nossa parte: Rezemos por eles, que Deus fará a Sua parte.

Exibições: 486

Responder esta

Respostas a este tópico

Sabe que é até engraçado? hehe
eu sou catequista no Colégio Marista Dom Silvério,em Belo Horizonte...tenho 15 anos e já recebi até um certo 'preconceito' por parte de amigos e até de catequistas,que me achavam 'nova demais' para ser uma evangelizadora...e isso me dava até mais força,pois percebia como o chamado de Deus era forte.
Se fui julgada?sim,eu fui...Se me senti desmotivada?claro,não nego
mas nessas horas Deus me auxiliava mais,agia mais em mim...
como o senhor disse,o catequizar é um compromisso pessoal,é o nosso sim espelhado em Maria,a primeira grande catequista...grande catequista de aproximadamente 13,14 anos...

aprendi que só temos o hoje,que amanhã pode ser tarde demais...então temos que aproveitar CADA oportunidade para evangelizar,não digo somente na Catequese em si,mas com gestos,com um sorriso...
a maior recompensa que ganho ao evangelizar os catequizandos é a certeza que Deus está agindo neles...o sorriso de quem descobre algo novo,a felicidade de conhecer um amor gratuito e infinito, a vontade de persistir nesse caminho...
Enfrentarei o que for necessário para prosseguir com essa missão,com esse chamado.

beijos,fiquem com Deus
Oi Jorge, vi a questão levantada por vc sobre a valorização de nós catequistas em nossas comunidades... E posso dizer que em minha comunidade, a catequese é extremamente valorizada não só pelas pessoas q as constituem, mas principalmente pelo nosso pároco, o qual luta por uma catequese de excelência... proporcionando reuniões, cursos, encontros para motivação de nós catequistas, com a finalidade de realizarmos um trabalho abençoado e com resultados positivos. Sou muito feliz em poder participar da catequese de minha comunidade, pois sei q todos somos valorizados e cada vez mais abençoados e unidos na fé de Deus!!! Q Jesus o ilumine hoje e sempre!!!
Oi Jorge! Sou catequista há 10 anos, e me identifiquei muito com o que vc escreveu. Tive uma boa formação de catequista e durante algum tempo a catequese foi o centro da nossa comunidade, chegando a ser utilizado como modelo pela diocese. Mas ocorreram algumas mudanças e a catequese toda vem sentindo muito o esquecimento que enfrentamos por parte da comunidade e do pároco. Atualmente, nem a missa da catequese esta sendo celebrada, não temos encontro de formação e boa parte dos projetos que realizávamos na catequese estão morrendo por falta de apoio. a maioria dos catequistas fala em desistir, estão desmotivados, desunidos, sem rumo... me entristece muito em perceber que a nossa igreja não cuida com carinho de suas sementes e não pensa que estas crianças e jovens formarão a igreja do amanha. A formação deles não depende somente de nós catequistas mas de toda a comunidade. Uma Semana Santa abençoada pra vc!
Olá, Jorge, paz e bem prá você!
Sou catequista há mais de 10 anos, e cada vez me sinto mais motivada a evangelizar! Comecei com crianças na pré-eucaristia e hoje catequizo crismandos! Muitas vezes me senti triste, não que tenha fraquejado minha fé, mas por preconceito, falta de apoio, especialmente de pessoas muito ligadas a mim! Mas, como diz São Paulo: "Ai de mim se eu não evangelizar" e "Tudo posso Naquele que me fortalece", cada vez mais me motivo, pois enquanto houver apenas Um jovem querendo me ouvir falar de Jesus, sei que está valendo a pena minha missão. É insubstituível a alegria e o sentimento de dever cristão cumprido quando ao fim de uma celebração de sacramento, os jovens vem me abraçar e agradecer, como se me devessem algo, qdo na verdade, eu sou devedora, por receber tanto deles ao longo da catequese!
Quanto à comunidade, a maioria reconhece e é ciente da necessidade da catequese. Nossa paróquia está sempre a nossa disposição, seja em subsidios, cursos de formação, e o CPP sempre nos apoiando. Prá falar bem a verdade, a catequese é a Pastoral mais "paparicada" aqui na minha comunidade! Este ano, abracei a Coordenação da Catequese, e temos ao todo 5 catequistas, divididas entre as turmas de Eucaristia 1 e 2, perseverança, Crisma 1 e 2. Minha comunidade é pequena, mas recebemos crianças até de comunidades vizinhas, que as vezes não querem ministrar a catequese para 1 ou 2 crianças, e os pais nos procuram, e acolhemos a todas, respeitando as normas de boa vizinhança e de acordo com a concordancia da paróquia! Um abraço e Feliz Páscoa a todos!
Olá Jorge!! Paz e bem!

Estou acabando de chegar, estava explorando o site e gostei desta "Enquete", pois ouvimos o tempo todo as queixas dos nossos irmãos que fazem este trabalho.

Eu, particularmente penso que não devemos nos preocupar se somos valorizados pelos nossos coordenadores, pela comunidade ou pelo Pároco, uma vez que quando aceitei este CHAMADO, entendi que foi feito pelo Nosso Senhor e para Ele que deixo minha casa com 03 filhos e me dedico a esse serviço que para mim é uma fonte de satisfação.

Peço sempre a Jesus que me dê Sabedoria e muita Humildade para continuar...apesar das pedrinhas do caminho.

Um grande abraço

Nina Costa
ISSO NÃO É NOVIDADE, E TAMBÉM NÃO SERÁ A PRIMIEIRA COMUNIDADE E OU A ULTIMA ONDE A CATEQUESE E TRATADO COMO UM ESTORVO, PELA MAIORIA DOS MEMBROS DA COMUNIDADE, PRINCIPALMENTE ÀQUELES QUE DEVERIAM MOSTRAR EXEMPLOS PRATICOS E CONCRETOS DO AMOR DE CRISTO, MAS TEMOS CPP, MINISTROS DE EUCARISTIA, QUE IMPLICAM COM AS CRIANÇAS, INCLUSIVE TEMOS PESSOAS QUE RECLAMAM TODOS OS FINAIS DE SEMANA, QUE ESSA CRIANÇAS DA CATEQUESE SO VEM INCOMODAR, BOM.
costumamos dizer que temos muitas pessoas erradas nos lugares certo, em suma, com o tempo vamos mudar essas pessoas ou suas posturas.!
Não caminhamos somente coordenação, catequistas e alguns pais que acompanham. Temas, reuniões, retiros, preparação de primeira eucaristia é feito somente por coordenação e catequistas, não temos nenhum recurso para estas atividades. É mesmo por amor que abraçamos esta causa.
POXA VIDA!!! SERÁ QUE VC TEM MESMO A IDADE QUE DIZ TER?? QUE MARAVILHA SER SEU CATEQUIZANDO .DEUS TE ABENÇOE POR ESSA PALAVRAS TÃO CONCIENTES E CENTRADAS A MUITO TEMPO NÃO CONSEGUIA ME ALEGRAR COM TANTA SABEDORIA..DEUS TE ABENÇOE SEMPRE E QUE VC CONTINUE ASSIM, BEIJOS QUERIDA!!

Débora Pazini disse:
Sabe que é até engraçado? hehe
eu sou catequista no Colégio Marista Dom Silvério,em Belo Horizonte...tenho 15 anos e já recebi até um certo 'preconceito' por parte de amigos e até de catequistas,que me achavam 'nova demais' para ser uma evangelizadora...e isso me dava até mais força,pois percebia como o chamado de Deus era forte.
Se fui julgada?sim,eu fui...Se me senti desmotivada?claro,não nego
mas nessas horas Deus me auxiliava mais,agia mais em mim...
como o senhor disse,o catequizar é um compromisso pessoal,é o nosso sim espelhado em Maria,a primeira grande catequista...grande catequista de aproximadamente 13,14 anos...

aprendi que só temos o hoje,que amanhã pode ser tarde demais...então temos que aproveitar CADA oportunidade para evangelizar,não digo somente na Catequese em si,mas com gestos,com um sorriso...
a maior recompensa que ganho ao evangelizar os catequizandos é a certeza que Deus está agindo neles...o sorriso de quem descobre algo novo,a felicidade de conhecer um amor gratuito e infinito, a vontade de persistir nesse caminho...
Enfrentarei o que for necessário para prosseguir com essa missão,com esse chamado.

beijos,fiquem com Deus
Olá, Jorge parece que essa historia é´minha , me sinto desanimada,da vontade de largar a catequese ,,,fui convidada para ir pra outra comunidade, mas sou apaixonada aonde estou.Tenho Fé que vai melhorar e tenho DEUS no meu caminho.DEUS te abençoe , um abraço. Esmeralda
Paz e Bem meu irmão,
Gostei muito de sua matéria,e concordo com você, seria o ideal que todos se unissem Padre e pastorais para uma boa evangelização. Algumas paroquias deveriam refleir melhor. Não é o nosso caso.O nosso Poroco, na medida do possivel tem nos dado um bom suporte, nas visitas a catequese, missa com as crianças, retiros e demais eventos, só que a nossa paroquia é muito grande e ele sozinho para dar conta. Este final de semana a paróquia estará contribuindo no para o comparecimento de mais ou menos dez catequisa para participar do Congresso de Catequese que será realizado pela nossa arquidiocese de Feira de Santana Ba.
Um carinhoso abraço de sua irmã
Cristina

Há mais ou menos uns 15 anos eu um grupo de catequistas fomos expulsos da nossa paróquia pelo Padre.Era um grupo unido e lutador, tudo nós faziamos pelos jovens e crianças da Catequese e em especial pelos de nossa comunidade, nosso bairro. Haviam pessoas invejosas que trabalhavam em  outras Pastorais que queriam fazer o mesmo que nós. Só que em vez de eles se unirem a nós eles inventaram fofocas que foram crescendo, crescendo até que explodiu pro nosso lado, o Pe. tomou partido e escolheu o seu lado. Saimos todos um grupo de quase 20 pessoas. Eles assumiram o nosso lugar mais

em vez de crescer o grupo foi diminuindo, diminuindo e diminuindo.Hoje do nosso grupo que foi expulso voltou eu e mais uma e uma outra que tinha ficado trabalhando com o novo  grupo que se formou. Moral da historia, hoje temos novo Pároco ele me chamou de volta pra coordenar a catequese novamente , e estou lutando pra continuar o que paramos, mais hoje está muito dificil, pois muitos jovens se decepcionaram e não querem mais voltar, outros se perderam pelo mundo, as vezes penso em desistir pois infelizmente tem gente que está ao nosso lado trabalhando contra nós. Mais pra mim ser catequista é dar exemplo de Fé e Vida, e é o que tento fazer com catequistas e catequisando, sempre vivendo o que prego e uma das coisa que acredito como catequista é que o chamado a mim feito foi por JESUS e não pelo homem, por isso estou aqui, por isso eu luto e supero as dificuldades, desistir nunca só se o homem me expulsar novamente, ai eu vou e espero novamente o chamdo de JESUS.

 

OI, MEU IRMÃO JORGE

A CATEQUESE DEVE SER A MAIOR PRIORIDADE DENTRO DE UMA PARÓQUIA, MAS ISSO NEM SEMPRE ACONTECE.

ESTIVE À FRENTE DA COORDENAÇÃO PAROQUIAL DA CATEQUESE DE MINHA PARÓQUIA , CONHECIA E ME DAVA SUPER BEM COM TODOS OS MEUS CATEQUISTAS;IA NAS COMUNIDADES FAZER ENCONTROS DE ESTUDO ( CATEQUESE ) COS OS PAIS E NÃO FALTAVA NINGUÉM PRINCIPALMENTE AQUELE POVO HUMILDE E QUERIDA DAS COMUNIDADES DO INTERIOR.

SEMPRE LUTEI E BRIGUEI PELA CATEQUSE E ALÉM DISSO DAVA CATEQUESE PARA ADULTOS QUE É A MELHOR CATEQUESE, POR QUE ELES VÊM E QUERM SABER( FOME E SEDE). EU SOU APAIXONADA PELA CATEQUESE E SE DEUS QUSER DEPOIS DE RECUPERADA DA MINHA CIRURGIA , EU VOLTO E ESTOU ME PREPARNADO PARA ISSO. FAÇO PARTE DA EQUIPE DA COORDENAÇÃO DIOCESANA.ESTOU AFASTADA DA

CATEQUESE POR MOTIVOS DE SAÚDE, MAS SEI QUE TENHO MUITO AINDA A FAZER SE DEUS ASSIM O DESEJAR.

NA MINHA PARÓQUIA A CATEQUESE É IMPORTANTE, MAS NÃO ESTÁ EM PRIMEIRO LUGAR , MAS JÁ AVANÇAMOS MUITO. VOCÊS NÃO IMAGINAM UM LEIGO ., UMA CATEQUISTA BRIGAR COM O PADRE POR CAUSA DE RECURSOS PARA A FORMAÇÃO DE CATEQUISTAS ( CADA UM PAGA O SEU ) MAS TEMOS QUE COLOCAR TUDO ISSO NAS MÃOS DE DEUS PAI, E PEDIR SEMPRE A INSPIRAÇÃO DO ESPÍRITO SANTO QUE ILUMINE A CABEÇÃO/CORAÇÃO DE PADRES, PAIS E DEMAIS AGENTES DAS PASTORAIS DA COMUNIDADE; DE VEMOS BRIGAR( NO BOM SENTIDO) A CATEQUESE, AS NOSSAS CRIANÇAS QUE VEM DE CASA CRUAS, NOSSOS JOVENS, QUE MUITAS VEZES PRECISAM DE UM OMBRO AMIGO, UMA PALAVRA DE CONFORTO, SER VALORIZADO COMO SER HUMANO E RECONHECER QUE ELE É UM FILHO MUITO AMADO DE DEUS PAI; QUANTOS COLOS EU JÁ DEI, E NÃO ME ARREPENDO, POIS COMEÇARIA TUDO DE NOVO:DEVEMOS SEGUIR O EXEMPLO DE NOSSO GRANDE MESTRE JESUS CRISTO, POIS NELE SIM PODEMOS E DEVEMOS CONFIAR, PEDIR AJUDA QUE COM CERTEZA NÃO NOS NEGARÁ.

"QUEM QUER SER MEU DISCÍPULO, PEGUE A SUA CRU E SEGUE-ME"

AS VEZES É DIFÍCIL MAS VENDOSAQUELES ROSTINHOS QUE TANTO CONFIAM NA GENTE, E QUEM SABE NÓS CATEQUISTAS SOMOS OS ÚNICOS A FALAR DE JESUS COM ELES, E QUANDO ELES FAZEM A VERDADEIRA ADESÃO. QUE FESTA, QUE ALEEGRIA TUDO SE TRANSAFORMA. ESSA É POIS A NOSSA MISSÃO ; NÃO É FÁCIL MAS QUE VALE A PENA .E COMO VALE.

A PAZ DE CRISTO E O AMOR DE MARIA

 

Responder à discussão

RSS

CAPELA VIRTUAL

Vem meditar comigo

 

EU ESTOU AQUI

 

 

 

Membros

Fórum

Quem fundou a Igreja Católica???

Iniciado por Jorge Kontovski 11 Jan, 2018.

Batismo em crianças

Iniciado por laila patricia 28 Set, 2015.

Confissão para a Primeira Eucaristia de Crianças (entre 11 e 13 anos) ?? 7 respostas 

Iniciado por Jorge -Catequista de Adolescente. Última resposta de Delourdes P. Prado 2 Jun, 2014.

1°Encontro

Iniciado por ana maria barbosa de araujo 21 Mar, 2014.

Fotos

  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Badge

Carregando...

LINKS

Estes contam com o meu apoio:

Baixar Livros Gratis em PDF
Baixar Livros Gratis

CATEQUESE E LUZ

PEQUENAS IRMÃS DA SAGRADA FAMÍLIA

Image

 

A PAIXÃO DE SER CATEQUISTA

Image

 

© 2020   Criado por Jorge Kontovski.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço