CATEQUESE !!!

Fazei tudo o que Ele vos mandar (Jo 2,5)

CATEQUISTA, SEU ESFORÇO E DEDICAÇÃO É DEVIDAMENTE VALORIZADO PELA SUA COMUNIDADE? INCLUSIVE PELO PÁROCO, COORDENADORES E PELO CPP?

Paz e bem.

Algumas vezes não sentiu a vontade de "largar tudo" pela falta de reconhecimento à sua dedição, empenho e sacrifício em prol do Reino de Deus?

Pois é, meus caríssimos e caríssimas, até onde eu sei e pelo que já assoprarar em meus ouvidos, trata-se de uma situação preocupante, muito desagradável, e diria até que é enervante e irritante.

Somos concientes de que o nosso compromisso é com Jesus Cristo, nosso grande irmão. Mas, também, é indiscutível que o reconhecimento pelo sacrifício e dedicação dos catequistas não pode ser subentendido como OBRIGAÇÃO.

Pelo amor de Deus, ter párocos que nem estão ai com a catequese e suas necessidades, é ir contra os ideais de Deus, exemplificados por Jesus e seus discípulos!!! Ter, na comunidade, membros do CPP que não valorizam a evangelização realizada pelos catequistas, é ter gente que nem sabe o por quê da sua função. O dever de catequizar É DE TODOS. Além do que, para mim, não podemos servir a dois Senhores, ao mesmo tempo (Deus e dinheiro)

O "catequizar" é um COMPROMISSO PESSOAL. É o nosso "SIM" espelhado em Maria, a primeira grande catequista. Ou será que estou errado? Ou será que nasci "fora de época"?

Normalmente, e segundo os demais, somos integrantes de uma Pastoral "sem grandes méritos"; dito de outra maneira, somos parte de uma Pastoral qualquer, sem transcendência. Somos alvo de críticas pelos nosso erros (até parece que não somos humanos, ou que eles são divinos).

Esquecem que o fundamental e essencial para nossa Igreja é a evangelização. E a evangelização da comunidade é feita via catequese, via Evangelho, mostrando que a nossa salvação é ser (ou tentar ao máximo ser) como Jesus.

O nosso trabalho é realizado dia a dia e não a cada fim de semana ou uma vez por mês. Não devemos viver eternamente pensando que a minha Pastoral é melhor do que qualquer outra, e nem ficar tratando que as demais Pastorais são simplesmente as demais.

É necessário reconhecer e dar o seu devido valor ao trabalho e empenho de cada membro de Pastoral de Animação Bíblico-Catequética e colocar tudo em seu devido lugar.

Um conselho: Se todas essas coisas acontece com você, lembre-se: Nós somos galhos da videira; nada pode nos separar d'Ele.

Façamos a nossa parte: Rezemos por eles, que Deus fará a Sua parte.

Exibições: 486

Responder esta

Respostas a este tópico

Olá Jorge!!! que a paz do Senhor Jesus esteja sempre com você.
Lendo a sua nota referente aos catequistas, você ,como sempre é feliz nas suas colocações. Existem realmente pároquias que não valorizam o catequista, e nem se preocupam na evangelização em levar Jesus Cristo para as periferias como pede o Documento da Aparecida,hoje, a igreja pensa-se com mais frequência em formar discípulos e missionários no mundo todo, mas ainda, existem pároquias que não estão preocupados com essa situação em que se encontra o mundo, graças a Deus a minha pároquia, é um exemplo para as demais, bom seria que todas participassem ativamente com o trabalho de evangelizar e nós sabemos que estamos por Jesus e nada do que vivemos tem sentido, se não tocarmos o coração das pessoas. Como sempre digo, Jesus Cristo, impossível conhecê-lo e não amá-lo, amá-lo e não segui-lo.
Um grande abraço
Deus te abençoe, te proteja e te ilumine sempre
Sua irmã em Cristo
Liete Madeiro
JORGE , que a paz do senhor esteja contigo.
Quando recebi seu enail fiquei até supresa pois parece que vem na hora certa.
Na minha paróquia os catequistas não são muitos unidos, por issso mem sempre nosso esfdorço é valorizado.
Mas sempre tenho DEUS EM MEUS CAMINHOS,e tenho certeza que ELE estará me abençoando no meu trabalho catéquetico da minha paróquia.
Paz e bem Elizabeth.

A paz e a união deveria ser um dos pricípios fundamentais entre os catequistas, mas é bom lembrar que somos humanos e, assim sendo, tudo é possível. Não que eu esteja de acordo com isso, mas o importante é ter Deus na caminhada, como você bem disse; pois tudo fazemos em nome de seu Filho Amado.

Deus te abençoe.

ELIZABETH CERRI DE MELLO disse:
JORGE , que a paz do senhor esteja contigo.
Quando recebi seu enail fiquei até supresa pois parece que vem na hora certa.
Na minha paróquia os catequistas não são muitos unidos, por issso mem sempre nosso esfdorço é valorizado.
Mas sempre tenho DEUS EM MEUS CAMINHOS,e tenho certeza que ELE estará me abençoando no meu trabalho catéquetico da minha paróquia.
Realmente o ser catequista é compromisso bom e ao mesmo tempo gratificante , para Deus e proclamarmos , a palavra do Evangelho, a todo o Mundo carenciado, para que não fiquem alienado, da palavra de Deus essa linda palavra esse testemunho, tão belo e tão perfeito, que o Senhor espera que nos saia da boca, para o culto dos mais desfavorecidos. Pois Angola Moçambique Guiné , Cabo Verde, e até o Brasil em regiões muito, ou pouco desenvolvidas esperam, uma palavra de um irmão /a itinerante para lhe ofertar a catequese, mais desenvolvida , da palavra de Deus , é esse Amor que eu precisava , de ter doado, mas como casei , nada concretizei , na minha vida de católica tenho pena, de não ter ido por essas terras pregar a catequese , aos mais carenciados,
...E com você também Liete.

Que bom que a tua paróquia seja diferente de muitas que conhecemos. Em muitas, o Documento de Aparecida (DA) passou simplesmente a fazer parte da Biblioteca (daquela que nem pano passam lá). Torna-se necessário que, EM TODAS AS PARÓQUIAS, o DA seja estudado exaustivamente, pois é tão importante quanto o documento do Concílio Vaticano II, mas ...

Deus te abençoe hoje e sempre.

Maria Liete Cavalcante Madeiro disse:
Olá Jorge!!! que a paz do Senhor Jesus esteja sempre com você.
Lendo a sua nota referente aos catequistas, você ,como sempre é feliz nas suas colocações. Existem realmente pároquias que não valorizam o catequista, e nem se preocupam na evangelização em levar Jesus Cristo para as periferias como pede o Documento da Aparecida,hoje, a igreja pensa-se com mais frequência em formar discípulos e missionários no mundo todo, mas ainda, existem pároquias que não estão preocupados com essa situação em que se encontra o mundo, graças a Deus a minha pároquia, é um exemplo para as demais, bom seria que todas participassem ativamente com o trabalho de evangelizar e nós sabemos que estamos por Jesus e nada do que vivemos tem sentido, se não tocarmos o coração das pessoas. Como sempre digo, Jesus Cristo, impossível conhecê-lo e não amá-lo, amá-lo e não segui-lo.
Um grande abraço
Deus te abençoe, te proteja e te ilumine sempre
Sua irmã em Cristo
Liete Madeiro
Muito bom!!!!
Gostei da mensagem e vou imprimir.
Abraços
Marcia
E incrivel como as coisas acontece no momento certo, pos aconteceu comigo estava um pouco desanimada nao com o paroco mas com outros acontecimento e este seu comentario fes revigorar a mim. muito obrigado pelo seu comentario.
Paz e Bem para todos!

Felismente em nossa Comunidade as coisas tem melhorado.A Catequese tem recebido bastante apoio.Faço parte do Círculo bíblico e durante este ano refletimos sobre o ano catequético e agora este mês sobre a caminhada da Catequese.Estamos tendo curso de formação para catequistas desde início do ano e também momentos de oração com todos os catequistas.No mês de Setembro a comunidade doou 40 bíblias para a catequese.Sei que precisa melhorar muitas coisas,mas estamos no caminho.Houve momentos que pensei em desistir , mas continuei pois amo ser catequista.Sou um galho da videira e não posso me separar de Jesus que é a fonte de toda minha vida.
abraços para todos e perserverança sempre!
A verdade é que muitos catequistas se encontram nessa situação porque os próprios não se valorizam. Estou em uma paróquia onde o Pároco não mede esforços para que a catequese vá em frente, no entanto, esbarramos frequentemente no fato de que, para muitos catequistas, essa pastoral é uma forma de "passar o tempo" e isso faz com que os membros da Igreja, do CPP, do COPAE, etc... não valorizem o nosso trabalho.
Paz e Bem!

Ouso acrescentar que não somos ou fazemos parte qualquer movimento ou pastoral da Igreja, mas fazemos parte da própria essência da Igreja. Com efeito, pode-se conceber a Igreja sem algum dos movimentos, enquanto tais, (sem desmerecer quaisquer deles), mas a Catequese nasceu juntamente com a Igreja primitiva. E Não se trata tão-somente da evangelização. Do primeiro anúncio do Kerigma de Cristo, mas da sedimentação da própria fé, que dará suporte para caminhada rumo à Salvação da Alma mesma.

Por isso é tão necessária a formação para nós Catequistas para que nós tenhamos consciência de nossa vocação e chamado que são irrevogáveis.

Por isso nos é indispensável, como Catequistas, a vida sacramental, a vida Eucarística, para que possamos unir o nosso sacrifício inútil, ao do próprio Cristo, único e perfeitamente aceito por Deus Pai. Como muito bem colocado pelo Jorge sobre os galhos da videira: se com ele morrermos, como ele viveremos! Nada poderá nos serparar do amor de Deus, que está em Cristo Jesus: nem a altura, nem a profundidade, nem as trevas, nem a luz... nem qualquer criatura! (cf. Rom 8, 39).

E tenhamos certeza, irmãos, Catequistas, sobretudo neste ano Sacerdotal e Catequético: as incompreensões e perseguições sofridas são para a glória de Nosso Senhor Jesus Cristo!

Bendito seja Jesus Cristo que nos reuniu no amor de Cristo!

Paz e Bem!
meu querido amigo jorge ,infelismente hoje em dia muitas das catequista nao sao valorizada principalmente as iniciantes ,porque muitas das catequisatas mas velha acha que elas nao tem capacidade ,acha ela nova para isto,para sermos catequista nao basta ser esperiente ou sermos mais velhas temos que ter sim amor em Deus, porque trabalhar para deus nao e facil temos muito aprovaçoes mais em cristo vencemos.
paz e bem!
ola,querido Jorge ,sou apaixonada por Cristo,tenho minha vida voltada e descoberta toda atraves da catequese,fui evangelizada por uma catequista,conheci meu esposo,quando ele fazia catequese ,a catequese me resgatou me transformou e hoje posso dizer:"Valeu a pena ser fiel",gostaria que nos como catequistas tivessemos de fato mais valor,mas destaque pela missão assumida,mas ao mesmo tempo fico a pensar existe recompensa maior que receber o sorriso de nossos catequizandos e descobrir neles a mudança que a catequese vai fazendo ...acho que não preciso de mais nada ,não a honra maior que servir sou feliz assim ,na catequese,na presença de Jesus e Maria,corragem Cristo conta conosco.

Responder à discussão

RSS

CAPELA VIRTUAL

Vem meditar comigo

 

EU ESTOU AQUI

 

 

 

Membros

Fórum

Quem fundou a Igreja Católica???

Iniciado por Jorge Kontovski 11 Jan, 2018.

Batismo em crianças

Iniciado por laila patricia 28 Set, 2015.

Confissão para a Primeira Eucaristia de Crianças (entre 11 e 13 anos) ?? 7 respostas 

Iniciado por Jorge -Catequista de Adolescente. Última resposta de Delourdes P. Prado 2 Jun, 2014.

1°Encontro

Iniciado por ana maria barbosa de araujo 21 Mar, 2014.

Fotos

  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Badge

Carregando...

LINKS

Estes contam com o meu apoio:

Baixar Livros Gratis em PDF
Baixar Livros Gratis

CATEQUESE E LUZ

PEQUENAS IRMÃS DA SAGRADA FAMÍLIA

Image

 

A PAIXÃO DE SER CATEQUISTA

Image

 

© 2020   Criado por Jorge Kontovski.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço